Japeri RJ / UCAMPROMINAS – Universidade Candido Mendes

A Universidade Candido Mendes e o Instituto Prominas chegaram a Cidade de Japeri  – RJ, com cursos de Pós Graduação – Lato Sensu, Aperfeiçoamento, Extensão, Qualificação e Capacitação. Agora você não precisa mais sair de sua cidade para estudar sua Especialização.

Japeri é um município da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, no estado do Rio de Janeiro, no Brasil. Localiza-se a 22º38’35” de latitude sul e 43º39’12” de longitude oeste, a 30 metros de altitude. A população estimada em 2017 pelo IBGE foi de 101 237 habitantes. Emancipou-se de Nova Iguaçu em 1991, Hoje Ocupa uma área de 82,954km², limitada pelos municípios de Paracambi, Seropédica, Queimados, Miguel Pereira e Nova Iguaçu. Banhado pelos rios Guandu, Santana, Rio dos Poços, Rio d’Ouro, Santo Antônio, Ribeirão das Lages e São Pedro, é cortado pela RJ-125, chamada “Rodovia Ary Schiavo” a partir de 9 de fevereiro de 1993, segundo a Lei 2 069, e também pelo Arco Metropolitano.

O primeiro nome conhecido da região hoje ocupada pela cidade foi “Engenho de Pedro Dias”. Em seguida, mudou seu nome para “Belém”, sendo pertencente à Freguesia da Sacra Família do Caminho Novo do Tinguá. O primeiro núcleo de povoamento da região se formou ao redor da Capela de Nossa Senhora de Belém e do Menino Deus.

“Cidade Sem Limites”

É conhecido, principalmente, por estar localizado e ser a última estação do maior ramal da Estrada de Ferro Central do Brasil, cujo edifício histórico, além de inspirar uma das imagens do brasão municipal, já foi estampa de selos no Brasil. A construção data de 1858 e foi incorporada à Estrada de Ferro Central do Brasil em 1903. Foi a primeira parada das composições para São Paulo (entre elas, o Trem de Prata). Um raio destruiu parte do prédio histórico, nos meados dos anos 1980.

A Lei 1 472, de 28 de abril de 1952, elevou a região à condição de distrito do município de Nova Iguaçu, já com o seu atual nome: Japeri. A Lei 1 902, de 2 de dezembro de 1991, conferiu-lhe a condição de município independente.

Japeri RJ – UCAMPROMINAS – Pós Graduação Univ Cândido Mendes

A Universidade Cândido Mendes e o Instituto Prominas chegaram a Cidade de Japeri na Baixada Fluminense – RJ, com cursos de Pós Graduação – Lato Sensu (Especialização / 6 Meses / 495hs), Aperfeiçoamento, Extensão, Qualificação e Capacitação Profissional. Agora você não precisa mais sair de sua cidade para estudar sua Especialização. Não perca esta oportunidade, ligue para nós que indicaremos o representante credenciado mais próximo.

Japeri é um município da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, no estado do Rio de Janeiro, no Brasil. Localiza-se a 22º38’35” de latitude sul e 43º39’12” de longitude oeste, a 30 metros de altitude. A população verificada na contagem de 2009 foi de 101 690 habitantes. Ocupa uma área de 82,954 km², limitada pelos municípios de Paracambi, Seropédica, Queimados, Miguel Pereira e Nova Iguaçu. Banhado pelos rios Guandu, Santana, Rio dos Poços, Rio d’Ouro, Santo Antônio, Ribeirão das Lages e São Pedro, é cortado pela RJ-125, chamada “Rodovia Ary Schiavo” a partir de 9 de fevereiro de 1993, segundo a Lei 2 069.

“Japeri” se originou de yaperi, termo tupi que significa “aquilo que flutua” e que designava uma planta semelhante ao junco que abundava nos pântanos da região.

O primeiro nome conhecido da região hoje ocupada pela cidade foi “Engenho de Pedro Dias”. Em seguida, mudou seu nome para “Belém”, sendo pertencente à Freguesia da Sacra Família do Caminho Novo do Tinguá. O primeiro núcleo de povoamento da região se formou ao redor da Capela de Nossa Senhora de Belém e do Menino Deus.

É conhecido, principalmente, por estar localizado ser a última estação do maior ramal da Estrada de Ferro Central do Brasil, cuja imagem já foi estampa de selos no Brasil. A construção data de 1858 e foi incorporada à Estrada de Ferro Central do Brasil em 1903. Foi a primeira parada das composições para São Paulo (entre elas, o Trem de Prata). Um raio destruiu parte do prédio histórico, nos meados dos anos 1980.

A Lei 1 472, de 28 de abril de 1952, elevou a região à condição de distrito do município de Nova Iguaçu, já com o seu atual nome: Japeri. A Lei 1 902, de 2 de dezembro de 1991, conferiu-lhe a condição de município independente.

Na figura do 6º distrito de Nova Iguaçu, Japeri emancipou-se daquela cidade em 30 de junho de 1991, através de plebiscito estabelecido anteriormente pela Constituição Estadual de 1988. Desde então, a localidade tem experimentado os desafios da autonomia política. Os prefeitos e as legislaturas que governaram o município não conseguiram barrar o crescimento desordenado, prevalecendo ainda problemas com trânsito, transporte, água e esgoto, habitação, e principalmente educação. Moradores apontam como causa principal dos problemas locais a inépcia para o interesse público e a corrupção.

Hoje, o município dispõe de crescente número de lojas comerciais e serviços importantes, como comércio, bancos, telecomunicações e apresenta aptidão para o lazer. Nas proximidades de Engenheiro Pedreira, encontra-se o primeiro campo de golfe público do país, abonado pela Federação de Golfe do Estado do Rio de Janeiro. Conta com uma pista de voo livre, no Pico da Coragem e diversas opções de lazer ecológico, como trilhas e cachoeiras. A atividade industrial tem aparecido no município, nos últimos anos, graças às políticas públicas de incentivo, que levaram em conta a permissão de desgaste social e ambiental, a renúncia fiscal e a participação estatal. Há indícios de ilícitos em diversos empreendimentos, cujos exemplos mais notáveis são as instalações de Casa Granado.

Há escolas de ensino fundamental e médio, públicas e particulares, porém nenhum campus universitário. O setor educacional, assim como em todo o Estado, tem apresentado resultados negativos em suas finalidades. Há relatos de alunos que chegam ao ensino médio sem saber ler e escrever corretamente. O índice de desenvolvimento humano, índice da Organização das Nações Unidas que mensura o desenvolvimento social, aponta para uma grave defasagem do sistema educacional.

Servidores da Prefeitura de Japeri,  Governo do Estado, Servidores Federais, Empresas Conveniadas e Professores tem descontos exclusivos.